NOTÍCIAS
13 de junho de 2019
Alcoa reúne jornalistas no Pará para debater mineração e sustentabilidade

A Alcoa reuniu jornalistas, influenciadores digitais, professores e estudantes de jornalismo da Unama e Iespes em Santarém (PA), ocasião em que debateram os desafios da imprensa na era digital e a responsabilidade do profissional de comunicação diante da disseminação de notícias falsas, popularmente chamadas de fake news, em temas de mineração e sustentabilidade.

O evento foi realizado em comemoração ao Dia da Imprensa, celebrado em 1º de Junho, e contou com apoio do Sindicato dos Jornalistas do Pará, no Tapajós, e do Sindicato dos Radialistas de Santarém.

O jornalista Jota Ninos, um dos debatedores do encontro e membro do Comitê de Ética do Sindicato dos Jornalistas, destacou a importância do preparo da imprensa local visto a importância do tema para a região.

Para o gerente de Relações Institucionais da Alcoa Juruti, Rogério Ribas, os objetivos do encontro foram alcançados e o workshop trouxe maior conhecimento sobre a mineração e suas práticas.

“A proposta foi celebrar o importante trabalho realizado pela imprensa à sociedade, contribuindo com a reflexão sobre o jornalismo, e reuniu em um único espaço a mídia formal, os influenciadores digitais e a academia”, disse.

José Carlos Danza, diretor global do Centro de Excelência de Bauxita da Alcoa, apresentou as etapas da produção mineral, a disposição dos rejeitos, a reabilitação das áreas mineradas, entre outros temas ligados à mineração. Interagindo com o público, o profissional esclareceu sobre o sistema de lagoas que faz a disposição dos rejeitos de bauxita da Mina Juruti.

Já o gerente regional de Sustentabilidade da Alcoa Brasil, Fábio Abdala, abordou a evolução do conceito e das práticas de sustentabilidade, todo o acompanhamento socioambiental previsto em lei, as iniciativas conduzidas voluntariamente, além da importância destas práticas permearem toda a cadeia de valor.

Fotos: Fábio Abdala