← voltar para Banco de Notícias

CBA apoia instituição que está produzindo máscaras de proteção em Miraí (MG)

 

A Companhia Brasileira de Alumínio (CBA) apoia o trabalho realizado pela Associação Confecção Intermunicipal de Santo Antônio do Rio Preto (Confisarp), que reúne costureiras na região de Miraí (MG). Em meio à pandemia, as profissionais já produziram quase 13 mil máscaras descartáveis e reutilizáveis, com objetivo de atender empresas de médio e grande porte, como a própria CBA e a Votorantim Cimentos.

“Essa iniciativa é mais um exemplo de fortalecimento da comunidade, aprimorando a cadeia produtiva e a geração de renda da região. A segurança dos nossos empregados é fundamental, assim como o apoio e o estímulo aos projetos locais. É nítido o empenho das associadas para conduzir a produção das máscaras de proteção”, destaca Christian Fonseca de Andrade, gerente das unidades da Zona da Mata da CBA.

A presidente da Confisarp, Patrícia Aparecida Paula, destaca que o zelo está presente durante todo o trabalho da associação.

“Adotamos as medidas de segurança necessárias. Estamos felizes em contribuir para a saúde da população e manter todas as costureiras ativas durante este período difícil”.

A CBA já apoia o trabaho da Associação Confecção Intermunicipal de Santo Antônio do Rio Preto (Confisarp) há mais de 10 anos, com foco na geração de renda para as mulheres da região. Desde 2018 o projeto integra o programa ReDes, uma iniciativa do Instituto Votorantim em conjunto com Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) e o Fundo Multilateral de Investimentos do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID – Fumin), com recursos da CBA.