CBA é reconhecida como umas das empresas mais inovadoras do setor de mineração e metalurgia em 2020 – Associação Brasileira do Alumínio – ABAL
Acesse a área do associado Fale Conosco
← voltar para Banco de Notícias

CBA é reconhecida como umas das empresas mais inovadoras do setor de mineração e metalurgia em 2020

 

A nossa associada CBA, pelo terceiro ano consecutivo, está entre as cinco empresas mais inovadoras do setor de Mineração, Metalurgia e Siderurgia e entre as 150 de todo Brasil, de acordo com a 6ª edição do anuário Valor Inovação Brasil 2020.

“Inovação é um direcionador intrinsecamente ligado à estratégia de longo prazo da CBA. Por isso, embora a indústria brasileira e setores da economia global estejam vendo os reflexos da desaceleração global causada pela pandemia do Covid-19, entendemos que o investimento em pesquisa e desenvolvimento tecnológico é essencial para manter o negócio sustentável”, afirma Ricardo Carvalho, diretor-presidente da CBA. “Dessa forma, em um momento que se vê necessária a repriorização de investimentos, mantivemos o olhar, considerando os de Inovação e Desenvolvimento de Mercado”, completa Carvalho.

Dentre os essenciais investimentos estão o programa CBA 4.0, voltado para automatização, Inteligência Artificial, Business Intelligence, conectividade, bem como um pipeline de projetos de pesquisa e desenvolvimento tecnológico em toda cadeia do alumínio, que visam, entre outros pontos, o aumento da aluminização e a sustentabilidade nos processos e produtos. Além disso, a empresa tem investido para propiciar um ambiente de negócios que estimulem a cultura de inovação, por meio do desenvolvimento e potencialização de competências digitais dos empregados, execução de projetos por meio de metodologia ágil e do estímulo à divergência construtiva.

Em 2019, a CBA investiu R$ 38 milhões em inovação e tecnologia. Para os próximos anos, a empresa investirá cerca de R$ 20 milhões em iniciativas de modernização de linhas de produção. Paralelamente os investimentos direcionados para P&D e Desenvolvimento de Mercado & Inovação somam aproximadamente R$ 59 milhões nos próximos cinco anos.

A mais conceituada pesquisa de inovação realizada no País é promovida pelo Valor Econômico e conduzida pela consultoria estratégica Strategy&, do grupo PwC com o apoio da Associação Nacional de Pesquisa e Desenvolvimento das Empresas Inovadoras (Anpei).