1º Torneio Brasileiro de Sustentabilidade abre inscrições para que estudantes desenvolvam projetos sobre reciclagem – Associação Brasileira do Alumínio – ABAL
Acesse a área do associado Fale Conosco
← voltar para Banco de Notícias

1º Torneio Brasileiro de Sustentabilidade abre inscrições para que estudantes desenvolvam projetos sobre reciclagem

 

Estão abertas as inscrições para o 1º Torneio Brasileiro de Sustentabilidade (TBS), realizado pelo Instituto Alpha Lumen, com patrocínio da Ball, empresa que atua com embalagens sustentáveis de alumínio. O objetivo do projeto é conscientizar os jovens, as crianças e suas comunidades sobre sustentabilidade ambiental, buscando soluções criativas para aperfeiçoar o ciclo da reciclagem como um todo: desde a qualidade de vida dos trabalhadores que atuam nesse ramo até inovações nos processos em si. As inscrições podem ser realizadas até o dia 09 de outubro pelo site www.alphalumen.org.br.

O desafio dos participantes será propor melhorias na cadeia que impactem positivamente as comunidades de trabalhadores, as empresas e a sociedade como um todo – da coleta devida dos materiais, passando pelo descarte adequado até a reutilização ou reciclagem. Os projetos deverão considerar temas como o reaproveitamento dos resíduos sólidos, o consumo de energia e a economia circular, entre outros.

“É por meio de processos educativos como o Torneio Brasileiro de Sutentabilidade que conseguimos transformar de modo definitivo a perspectiva dos estudantes em relação ao cuidado necessário com os recursos naturais do nosso planeta. Nosso torneio é um modo instigante e motivador de trabalharmos esse tema”, explica Nuricel Villalonga Aguilera, fundadora do Alpha Lumen.

“Na Ball, os pilares Educação e Reciclagem guiam todas as nossas ações de responsabilidade social. Ficamos orgulhosos por patrocinar este projeto, pois sabemos que estamos conscientizando crianças, jovens e, por consequência, seus familiares, gerando uma grande rede de consumidores mais conscientes. Além disso, queremos promover soluções que irão realizar melhorias na cadeia e valorização dos profissionais que atuam nela – os verdadeiros agentes ambientais deste ciclo”, explica Thaís Moraes, diretora de Comunicação da Ball América do Sul.