← voltar para Banco de Notícias

ABAL na Mídia: fabricantes de alumínio endossam coro contra bancos em meio à pandemia

Os fabricantes de alumínio são mais um setor produtivo a engrossar o coro de descontentes contra os bancos, na epidemia de coronavírus. Depois das varejistas e das incorporadoras imobiliárias, a Associação Brasileira do Alumínio (ABAL) vem a público reclamar dos altos custos dos empréstimos, na hora em que as empresas mais precisam de liquidez.

Proteção

No setor do alumínio, a situação é especialmente dramática entre os extrusores, a maioria formada por empresas de porte médio, que respondem por um terço do metal consumido no País. Se a dificuldade de crédito persistir, mais de 100 empresas do segmento correm o risco de quebrar, segundo a ABAL.

Para Milton Rego, presidente executivo da entidade, “a postura do setor financeiro me lembra uma definição precisa de Mark Twain: ‘Um banqueiro é o sujeito que empresta o seu guarda-chuva quando o sol está brilhando e quer de volta no instante que começa a chover'”.

Fonte: Coluna do Broadcast – Estadão