MRN reutiliza 99% de seus resíduos industriais – Associação Brasileira do Alumínio – ABAL
Acesse a área do associado Fale Conosco
← voltar para Banco de Notícias

MRN reutiliza 99% de seus resíduos industriais

 

A Mineração Rio do Norte (MRN) segue o trabalho contínuo de reforçar o compromisso com a preservação ambiental no distrito de Porto Trombetas, no município de Oriximiná, no Oeste do Pará. Um dos assuntos do momento é o “Consumo consciente: como reduzir o desperdício, contribuindo com o meio ambiente”.

Desde 2010, a MRN desenvolve o Programa Gerenciamento de Resíduos Sólidos, voltado para campanhas educativas de sensibilização ambiental, redução e reaproveitamento de resíduos. A iniciativa, que atende a Política Nacional de Resíduos Sólidos, já contabiliza bons resultados. Em 2019, por exemplo, a empresa gerou 1.919,53 toneladas de resíduos sólidos industriais em seu processo de produção, dos quais 87,87% foram reaproveitados por meio de técnicas de reciclagem/reutilização; 11,26% foram reaproveitados como combustível energético, com o uso de técnicas de coprocessamento; e apenas 0,87% receberam tratamento de técnicas de incineração.

“Com o programa, reforçamos adoção da prática dos 5Rs: reduzir, reutilizar, reciclar, recusar e repensar. Ao reutilizar os resíduos industriais, as áreas repensam as práticas em relação ao meio ambiente, recusam a aquisição de itens novos, reduzem a geração de novos resíduos, reutilizam e reaproveitam objetos já descartados, e utilizam como matéria prima produtos que já haviam sido descartados, para a fabricação de novos objetos”, explica Dayane Moreira, analista ambiental da Mineração Rio do Norte.

Na seção de manutenção da Mina Bela Cruz, há um espaço que reaproveita resíduos industriais e ainda proporciona leveza ao ambiente de trabalho, com a criação de itens decorativos a partir de sucata metálica e borrachas, que se transformam em porta-canetas, lixeiras e esculturas graciosas.

“A principal base do reaproveitamento é a consciência ambiental. Ficamos muito felizes em contribuir com esse trabalho de reutilização de materiais e evitar o desperdício. Outro ponto importante é a própria autoestima da equipe quando tem reconhecido o trabalho feito a partir da ideia dos colaboradores”, declara Marcos Paulo Laurido, gerente técnico da seção de manutenção da MRN da mina Bela Cruz.