Voluntários da Alcoa apoiam famílias de trabalhadores que atuam com reciclagem de resíduos sólidos – Associação Brasileira do Alumínio – ABAL
Acesse a área do associado Fale Conosco
← voltar para Banco de Notícias

Voluntários da Alcoa apoiam famílias de trabalhadores que atuam com reciclagem de resíduos sólidos

 

Em Juruti, no Oeste do Pará, famílias afetadas pela pandemia do novo coronavírus recebem apoio por meio da ação de voluntariado “Adote uma Família”. A iniciativa é conduzida diretamente por colaboradores da Alcoa, conta com a parceria do Grupo Economize, de supermercados de Juruti, e já ocorreu a primeira entrega no início de agosto. A ação beneficia trabalhadores que atuam com reciclagem de resíduos sólidos com doação de cestas básicas contendo itens de alimentação e higiene.

Os voluntários da Alcoa em Juruti e em São Paulo se mobilizaram para “adotar uma família” e realizar a doação das cestas por conta própria. As arrecadações começaram no mês de julho e se estenderão até o dia 30 de setembro. Com a orientação técnica e experiência do Instituto Alcoa, os voluntários construíram a iniciativa de forma colaborativa, por meio da Equipe Líder de Assuntos Institucionais, que reúne representantes de cada um dos setores da empresa.

Foram distribuídas 35 cestas: 17 a trabalhadores da Cooperativa de Serviços de Coleta Seletiva e Reciclagem de Juruti; 16 para catadores independentes; e mais 02 para catadores cadastrados junto ao Sebrae (Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas).

“Agradeço a todos os colaboradores da Alcoa que se empenharam nessa ação. Essas cestas são de grande importância para todos os colegas da nossa cooperativa”, declarou Mário Cardoso, presidente da Coopservice. 

Segundo a superintendente de Relações Comunitárias da Alcoa Juruti, Thalita Lucena, desde o início da pandemia, a empresa atua para minimizar os impactos das medidas restritivas de enfrentamento da covid-19 junto à comunidade neste momento em que ela mais precisa. Além de ajudar quem mais precisa, a ação fortalece a economia e os fornecedores locais.

“Valorizar as empresas locais, contribuindo para gerar emprego e renda onde atuamos, faz parte de nosso Valor Cuidar das Pessoas”, ressalta Thalita, que também foi uma das voluntárias que “adotou uma família”.