SUSTENTABILIDADE: ALUMÍNIO E SAÚDE

Alumínio na Água Potável

O alumínio está presente naturalmente na água, mas pode receber uma adição na forma solúvel, como sulfato de alumínio, nos processos de tratamento de água. O sulfato é utilizado na floculação e filtragem, para tornar a água mais límpida, eliminando elementos particulados eventualmente nocivos à saúde humana.

Atualmente, existe uma orientação da OMS – Organização Mundial da Saúde que estabelece como concentração máxima de alumínio total na água potável, de 0,2 miligramas por litro (mg/l). Esta concentração foi proposta, principalmente por critérios de aspecto e gosto da água e não por critérios relacionados à saúde.

Em tempo, o consumo médio de 1 a 2 litros de água por dia, sob todas as formas (água bebida como tal e como material utilizado para a elaboração de alimentos), contribui com apenas 1 a 2 mg de alumínio na dieta.

estacao_trat_agua